sábado, 13 de fevereiro de 2010

(14)*

…Que me desculpe tudo o resto, mas para mim, para sempre e mais do que tudo, importamos nós, o que sentimos, o que somos, o que é nosso, construído neste círculo fechado de 14 capas…o brilho nos olhos por percebermos tudo, de cada um; o peito cheio de ar por concretizarmos algo nosso, partilhado; a vontade de correr mais, de dar o dobro, de dar a mão, de puxar, de voltar a trás só porque alguém está mal e todos sentimos…

Quero que um dia eles sejam assim, só pk nos viram ser…não porque lhes dissemos que assim fomos…

(por agora, quero lutar para que isto se concretize)*

4 comentários:

Catarina? Bebé disse...

A luta somos nós, assim como a saudade*

Gostar muito, demais*

Joaninha disse...

Hão-de ser :)

Amor incondicional*

Raquel Teixeira disse...

É o que queremos também, um dia ser assim.

Maria disse...

Capitães*

Seguidores